20/12/2010

Me Falta O Ar

Me falta ar
Para matar-lhe com meu beijo
Ser levada pelo desejo
Fazer-lhe declarações

Me falta o ar
Falta a coragem,
Falta a ilusão da carruagem
Me falta o príncipe encantado.

Me falta o ar
E isso me faz queimar
Essas chamas ardem profundas
Dentro do meu ser

Me falta o ar
Falta também as palavras
A poesia, a dedicação
Me falta seu amor irmão.

Nos falta o ar
Nos pulmões
O sangue nos corações
Estamos tão distantes

Me falta o ar
Essa queda livre
E seu sorriso triste
Só me fazem querer pular

Me falta o ar
Falta também raciocínio
A lógica e domínio
Eu não sei mais o que pensar

Me falta o ar
Para lhe dizer o que sinto
Estou perdida no labirinto
Porque não vens me salvar?

Me falta o ar
A fobia me toma
E você não esta lá
Para me acalentar

Me falta o ar
Faltam os versos
E seus carinhos
Faltam as rosas e seus espinhos
(enfeitando o lugar)

Me falta o ar
Estou morrendo
Mas gostaria de ir lhe visitar
Para um ultimo beijo em seus lábios depositar

Me falta o ar
Falta força e amor
Em meio a toda essa dor
Eu não vejo mais esperança

Me falta o ar
Para dizer a verdade
Para trazer a felicidade
De volta ao seu olhar

Me falta o ar
Para viver
Para me entregar
E também para sonhar

Me falta o ar
O sopro da vida se esvaiu
E você se quer se despediu
Me deixando definhar

Me faltou o ar
Para vê-lo uma ultima vez
Para perdoá-lo pelo que fez
Para em fim me despedir

Me faltou o ar
E agora tudo esta escuro
O coração esqueceu-se do orgulho
E deixou a morte entrar

Me faltou o ar
Para um ultimo eu ti amo
Para um ultimo olhar
Simplesmente faltou-me o ar.

Laís R. Dias - 20/12/010

19/12/2010

Amor e Dor - Uma estranha relação part. II

Ainda não postei a parte um mais depois eu posto e ajeito tudo ^-^
Sugiro que escutem Love The Way You Lie - Eminem feat Rihanna enquanto lêem o poema, pois foi a partir dessa musica que ele nasceu, espero que gostem ^^
Até mais


Amor e Dor - Uma estranha relação part. II

Eu amo como mente
Como finge estar tudo bem
Será que você não sente
Queria ser assim também.

Gostaria de não me importar
Esquecer de tudo, deixar pra lá
Mas é difícil, te amar
Dessa forma tão louca.

Amando sua farsa
Sendo sua comparsa
Nesses atos descabidos.

Eu até gosto desta nossa vida
Nossa idas e vindas
Gosto quando me chama de querida
De como faz esquecer tudo.

Não importa o quando isso doa agora
Eu sei que vai passar
Assim que aquela porta você atravessar
Sei que vai estar tudo certo.
(Afinal você estará aqui)

Estou desesperada
Me sinto tão mal quando estou sem você
é como se estivesse desamparada
nada vai te substituir, agora eu sei estou a sua mercê.

Tão errada, tão amada
é assim que eu me sinto em suas mãos
Não importa o quanto eu seja usada
Sempre me entregarei a você.

Adoro o jeito como me domina
como controla toda a situação
E depois como me acondiciona
e toda aquela bajulação.

É difícil de entender
Como somos loucos
Mas tudo vamos resolver
Afinal os problemas são tão poucos.

Se eu estou apaixonada?
Isso não parece ser claro?
Você pode me magoar o quando quiser, estou arrebatada
Agora eu sou seu pássaro
Presa para sempre.

Você ainda vai me matar
Vai me matar com seu amor
Com essas doses de veneno que esta a me dar
Meu doce agressor.

Sou tua para o que quiser
Ja topei ser sua prisioneira
E nada do que disser
vai mudar essa nossa brincadeira.

Você volta e sorri
eu só necessito disto, você sabe
e tudo volta a ficar bem por aqui
espero que isso não acabe
(porque eu te amo)

Pode ter doido na hora
mas agora passou
voltamos a estaca zero
estou passando uma borracha no que você devastou.

Sem você eu não sou nada
Essa é a conclusão que chego sempre que você não esta aqui
Estou tão abalada
Agora isso já não importa

Você voltou
E esta tudo bem (por enquanto)
Espero continuar assim, (não quero que isso tenha fim)
Porque ainda tenho esperanças sobre nós.
(porque eu quero ficar assim pra sempre)


Laís R. Dias 20/12/2010